Estudantes de Taguatinga conhecem Observatório e iniciativa Câmara+Barata

Por OS Brasília21 de março de 2018Comentar
Palestra Centro de Ensino Médio de Taguatinga Norte

No início deste mês, os estudantes do Centro de Ensino Médio de Taquatinga Norte (CEMTN) conheceram um pouco melhor as ações do Observatório Social de Brasília, em especial a iniciativa Câmara+Barata.

O presidente do Observatório Social de Brasília, Onésimo Staffuzza, representando a coordenação da iniciativa, que tem participação também do Instituto de Fiscalização e Controle (IFC), falou da importância da participação direta da sociedade em prol de mudanças que melhorem a vida das pessoas.

O Câmara+Barata promove um projeto de lei de iniciativa popular para economizar R$ 300 milhões na CLDF – recursos que poderão ser usados em áreas que sofrem cronicamente com falta de recursos. Os três eixos da proposta são a extinção da verba indenizatória, a redução da verba de gabinete e a limitação dos gastos com publicidade a 1% do orçamento da Casa.

Durante a conversa, no dia 5, muitos estudantes demonstraram interesse em participar da coleta de assinaturas. O projeto precisa do apoio de pelo menos 20 mil eleitores para tramitar na CLDF. Também é possível formalizar o apoio por meio do aplicativo Mudamos.